quarta-feira, maio 06, 2009

Se eu fosse prefeita...

É uma frase que sempre repito para destacar minha insatisfação com a gestão municipal. Mas, completando minha sentença, se eu fosse prefeita revitalizaria aquele trecho do Estreito que vai debaixo da ponte Hercílio Luz até o Unibanco. Ainda restam ali alguns prédios históricos que dariam lindos restaurantes, bares ou charmosos cafés. Imaginem iniciar uma caminhada da cabeceira da ponte, com todas aquelas casinhas lindas restauradas, calçadas e iluminação revitalizadas, para admirar os grafites nos muros e poder entrar em galerias de arte. Ficaria como o centro antigo de Montreal.

Acho que não deve ser tão difícil concretizar um projeto como esse. Bastava colocarem alguns dos secretários para trabalhar, gente com criatividade não falta. Uma saída seria dar isenção de impostos por algum tempo para atrair esses investidores para lá.

Esse nariz de cera todo serve para contar que descobri uma casa de massas maravilhosa escondidinha no Estreito, perto do Unibanco. O chefe é um italiano que está no Brasil há apenas 10 meses. Além de venderem massas congeladas e molhos maravilhosos, recebem grupos para jantares. É só ligar e fazer a reserva. O espaço é pequeno, mas super aconchegante. Ontem estive lá e comprei um belo conchiglioni com salmão, delicioso. O molho pesto também é espetacular. Espero que a iniciativa vingue.

Anotem aí o endereço do Il Pepe Nero...
Santos Saraiva, 185. Telefone 3206-9096 ou 9623-1867.

Já falei para o Maurício para combinarmos com os amigos de irmos comer uma massa com vinho.

6 comentários:

Ana Paula disse...

opa! me chama.
beijo

Cristiane Fontinha disse...

Sim, sim. Vamos marcar Anita.

Aline Cabral Vaz disse...

Tamos dentro!

Cléia disse...

Ih, acho que vai faltar espaço. Pode incluir a família.

Cristiane Fontinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cristiane Fontinha disse...

Nossa, essa reunião será um sucesso. Vamos marcar. Não é pra ficar só no blá, blá, blá.