quarta-feira, outubro 25, 2006

Insanidade



O Balneário, onde moro, é um bairro muito simpático. Reduto de manés do Continente e casa do Figueirense. Mas, como a grande maioria dos bairros de Florianópolis, praticamente não tem árvores.
Ontem, a Prefeitura conseguiu piorar a situação e cortou uma das poucas árvores existentes na minha rua. Não dá para acreditar na mentalidade desse povo. Daqui a pouco não vamos mais ter o que respirar. Invejo cidades como Porto Alegre e Curitiba!
PS - Ilustração feita pelo Laurinho especialmente para este post.

terça-feira, outubro 24, 2006

Para quem gosta de ver TV

A Monet de novembro chegou com grande antecedência e trazendo boas notícias. A nova temporada das séries começa em novembro!

terça-feira, outubro 17, 2006

Canções da infância

Hoje eu estava cantarolando músicas infantis para a Lígia e fiquei pensando no sentido das letras. Nana nenê é o pesadelo de qualquer criancinha.

Nana nenê, que a Cuca vem pegar
Papai foi na roça, mamãe já vai chegar


Corro o risco de ser politicamente incorreta, mas continuarei a cantá-la. Acho que o encanto dessa música está na melodia e não na letra.
Outras duas que eu adoro são em inglês. Uma delas minha mãe do Canadá cantava para o meu irmão Matthew quando ele era pequenino. É a história dos passos de um pequeno urso que termina em cócegas.

Round and round the garden
Like a teddy bear;
One step, two steps,
Tickle you under there!


A outra eu aprendi quando eles vieram me visitar e o Lauro era um bebê, sobre um padeiro muito louco que assa um bolo.

Pat-a-cake, pat-a-cake, baker's man!
Make me a cake as fast as you can;
Pat it, and prick it, and mark it with B,
Put it in the oven for Baby and me.

sábado, outubro 14, 2006

quarta-feira, outubro 04, 2006

Parabéns

Hoje, duas amadas pessoinhas (uma não tão pequena assim...) fazem aniversário! O Maurício, meu marido, completa 34 anos e a Lígia, minha filha, um mês.